sexta-feira, 18 de agosto de 2017

ALB AMAZONAS MEMBROS FUNDADORES


Fazemos parte dessa história

ACADEMIA DE LETRAS DO BRASIL
SECCIONAL AMAZONAS
Fundada em 1.º de agosto de 2015

MEMBROS FUNDADORES
  

 Dr. Mário Roberto Carabajal Lopes
Presidente da ALB Nacional
  

 Dra. Silvia Helena Carvalho
Presidente Fundadora da ALB Amazonas

Dr. Arthur Virgílio Filho
Patrono da ALB Amazonas

O líder político amazonense ARTHUR VIRGÍLIO DO CARMO RIBEIRO FILHO é o patrono da ACADEMIA DE LETRAS DO BRASIL, Seccional Amazonas. Intelectual de incontestável valor, membro de tradicional família da cidade de Manaus, representou o Amazonas como Deputado Estadual, de 1947 a 1959; Deputado Federal, de 1959 a 1963; e como Senador da República, de 1963 a 1969, quando foi cassado. Artur Virgílio do Carmo Ribeiro Filho nasceu em Manaus, no dia 12 de fevereiro de 1921. Casou-se com a professora Isabel Vitória de Mattos Pereira do Carmo Ribeiro, de cuja união nasceram seus dois filhos: Arthur Virgílio do Carmo Ribeiro Neto e Júlio Verne. Faleceu em 31 de março de 1987, no Rio de Janeiro.


ORDEM DE PLATÃO
  
COMPROMISSO ACADÊMICO

Como membro vitalício da ACADEMIA DE LETRAS DO BRASIL, comprometo-me, sob a Ordem de Platão, um escrever comprometido, em busca de assertivas ao evoluir sociocultural humano e civilizador, sob princípios éticos, de honestidade e responsabilidade, de união, pacificação, socialização de saberes e alimentos, com linearidade paradigmaximizativa de oportunidades subsistenciais e de acessos, independentemente de origens, línguas, funções e gêneros, harmonizando-se em assertivas integrativas à natureza, de necessidades bioéticas coexistências à sobrevivência das espécies bioeletroquímicas que compõem o micro e macrocosmo, encontrando, no planeta, uma célula de um decifrável universo em sincronicidade, onde eu, como escritor, assumo, neste ato, imortal responsabilidade transcodificadora ao religare cosmobiopsicosóciocinesiológico.


CADEIRAS ACADÊMICAS


CADEIRA N.o 1
Silvia Helena Carvalho
PATRONO: PAULO LEIVAS MACALÃO


CADEIRA N.o 2
Doroni Hilgenberg
PATRONA: VIOLETA BRANCA


CADEIRA N.o 3
Daura Nila Brasil Correa da Silva
PATRONA: CORA CORALINA


CADEIRA N.o 4
Jorge Luiz dos Santos Barbosa
PATRONO: MONTEIRO LOBATO


CADEIRA N.o 5
Luiz Aldir da Silva
PATRONO: RUI BARBOSA


CADEIRA N.o 6
Clério José Borges de Sant’Anna
PATRONO: OLAVO BILAC


CADEIRA N.o 7
Raimundo Colares Ribeiro
PATRONO: MACHADO DE ASSIS


CADEIRA N.o 8
Kátia Maria dos Santos Colares Ribeiro
PATRONA: CECÍLIA MEIRELES


CADEIRA N.o 9
Escilene Fernanda Silva Carvalho
PATRONO: ALCEBÍADES PEREIRA VASCONCELOS


CADEIRA N.o 10
Lucivaldo Breves da Silva
PATRONO: SAMUEL ISAAC BENCHIMOL


CADEIRA N.o 11
Ierecê dos Santos Barbosa
PATRONA: CLARICE LISPECTOR


CADEIRA N.o 12
Edilson Morais e Silva
PATRONO: RUBENS AZEVEDO ALVES


CADEIRA N.o 13
Adelson Florêncio de Barros
PATRONO: CASTRO ALVES


CADEIRA N.o 14
Luiz Daniel Valente da Silva
PATRONO: ANÍBAL BEÇA


CADEIRA N.o 15
Dayse Peixoto Maia
PATRONO: ARIANO VILAR SUASSUNA


CADEIRA N.o 16
Augusto Fachin Terán
PATRONO: MASAHARU TANIGUCHI


CADEIRA N.o 17
Solene Carvalho Esquerdo
PATRONO: GUNNAR VINGREN


CADEIRA N.o 18
Raimundo Gomes Lima
PATRONO: VINICIUS DE MORAES


CADEIRA N.o 19
Isaac Newton Almeida Ramos
PATRONO: MANOEL DE BARROS


CADEIRA N.o 20
Iraildes Caldas Torres
PATRONA: FRIDA KHALO


CADEIRA N.o 21
Paulo Eduardo Queiroz da Costa
PATRONO: BENEDITO NUNES


CADEIRA N.o 22
Alberto Guido Valério
PATRONO: DJALMA DA CUNHA BATISTA


CADEIRA N.o 23
José Coelho Maciel
PATRONO: ANÍSIO THAUMATURGO SORIANO DE MELLO


CADEIRA N.o 24
Auricléa Oliveira das Neves
PATRONO: LUIZ BACELAR


CADEIRA N.o 25
Vânia Maria da Silva Pimentel
PATRONO: JOÃO GUIMARÃES ROSA


CADEIRA N.o 26
Maria Elisa Bessa
PATRONO: MÁRIO QUINTANA


CADEIRA N.o 27
Rita de Cássia Dutra de Alencar Clark
PATRONO: ALENCAR E SILVA


CADEIRA N.o 28
Lian da Silva Marinho
PATRONO: BENTO DE FIGUEIREDO TENREIRO ARANHA


CADEIRA N.o 29
Maria de Belém de Oliveira Maués
PATRONO: CLÁUDIO SANTORO


CADEIRA N.o 30
Cecília Maria Rodrigues de Souza
PATRONO: JOSÉ GUILHERME DE ARAÚJO JORGE


 PARABÉNS A TODOS!!!



segunda-feira, 7 de agosto de 2017

CIÊNCIAS CONTÁBEIS DA UFAM: TURMA AGOSTO DE 1982


CIÊNCIAS CONTÁBEIS DA UFAM:
TURMA AGOSTO DE 1982

"Juro, perante a comunidade que me recebe hoje como Contador, cumprir com honestidade, dedicação e fidelidade os princípios que regem a minha profissão, tudo fazendo pelo desenvolvimento das empresas nas quais atuarei, pela ciência que tenho nas mãos e pela prosperidade da Nação brasileira." (JURAMENTO)




Formandos do Curso de Ciências Contábeis da UFAM, em agosto de 1982

Há 35 anos, a Faculdade de Estudos Sociais da Universidade do Amazonas formava mais uma de suas turmas do Curso de Ciências Contábeis, a Turma RAIMUNDO GONÇALVES NOGUEIRA, com trinta e três novos Contadores, tendo como patrono e paraninfo os professores Maury de Macedo Bringel e Gilberto Mestrinho de Medeiros Raposo, respectivamente.

O convite, em capa de tecido azul aveludado com destacado brasão da Contabilidade em relevo aluminado, traz, em suas páginas, as informações detalhadas sobre a formatura, emolduradas por belíssimas mensagens, sobretudo de agradecimento. Entre elas, uma súplica ao nosso CRIADOR ETERNO diz: “Deus, conceda-me serenidade para aceitar as coisas que não posso mudar; coragem para mudar as coisas que posso e sabedoria para perceber a diferença.”

No dia 5 de agosto de 1982, às 20 horas, no Auditório da Faculdade de Estudos Sociais, na Rua Monsenhor Coutinho, esquina com a Av. Epaminondas, Centro, nesta Capital, aconteceu a AULA DA SAUDADE, proferida, magistralmente, pelo professor José Rodrigues Cardoso Filho.

Um dia depois, em 6 de agosto de 1982, às 18 horas, na Igreja de São Sebastião, na Rua Dez de Julho, Centro, houve MISSA EM AÇÃO DE GRAÇAS. Em seguida, às 20 horas, no Auditório do SESI, na Rua Joaquim Nabuco, Centro, realizou-se o ATO SOLENE DE COLAÇÃO DE GRAU, com a entrega simbólica do Diploma de Bacharel em Ciências Contábeis aos formandos:

Alfredo José de Campos Bandeira
Altevir Magalhães (ORADOR)
Analice Pinheiro Banega
Antônio Lopes de Souza
Antônio Praciano Filho
Áureo Pereira de Melo
Clei Pereira Pantoja
Clemilton Isaias Torres
Eliana Sarmento da Costa
Flávio Andrade de Souza
Hermes Galvão Filho
Hildebrando Alves da Silva
Heraldo Guimarães Barreto
Iamara Bentes Lobo
João Batista Mendonça Rodrigues
José Edno de Lima Moraes
José Roberto Benchaya
Júlia Moraes Jardim
Jussi Soares Caloba
Karla Liliam Magalhães Pedrosa (JURADORA)
Manoel Cornélio da Costa e Silva
Marta Alves de Souza
Maria da Conceição Hildete Furukawa Barreto
Maria da Conceição Monteiro Novaes
Maria Nelcy Cardoso Palheta
Mário Cauper Monteiro
Martin Ruben Barbosa da Cruz
Otávio Aguiar Pinto
Raimundo Colares Ribeiro
Roberto de Almeida Cruz Júnior
Ruy Carlos Abnader Rodrigues
Severino Maciel da Costa
Waldy Lima de Melo


O BAILE DE GALA, que coroou a programação festiva de formatura, ocorreu às 23 horas, logo após a COLAÇÃO DE GRAU, agora nos salões aristocráticos do Ideal Clube, na Av. Eduardo Ribeiro, Centro, com show musical, se não nos falha a memória, da notável banda manauense Os Embaixadores.

Importante também informar que o convite acomoda, em destaque, a relação de professores homenageados: Adérito da Costa Penafort, Agnus Carvalho Veloso, Aurélio Coutinho de Almeida, Carlos Alberto Cardoso, Fares Franc Abinader Rodrigues, Joaquim Francisco da Silva Corado, José Humberto Michiles, José Jorge de Melo, José Lopes da Silva, José Rodrigues Cardoso Filho, Lindalva Coutinho da Costa, Luiz Nobre Damasceno, Maria Albanisa C. Marinho, Mário Silvio Cordeiro de Verçosa, Marleno Litaif Monteiro, Maury de Macedo Bringel, Osvaldo Alves da Silva, Renne Hana Melul, Raimundo Gonçalves Nogueira, Wilson Alves Lopes e Zenaide Lamarão Brasil.

E finaliza com esta MENSAGEM DE DESPEDIDA: “A nossa amizade àqueles que nos quiseram bem e nos apoiaram nos bons e nos maus momentos; o nosso perdão àqueles que, por motivos alheios à nossa vontade, não nos compreenderam, nem se fizeram compreender; a nossa saudade e a esperança de um reencontro aos que, por vários motivos, nos deixaram, seguindo outros caminhos; e o nosso carinho aos que prosseguem na luta diária da formação de novos profissionais. Que esse até breve jamais se transforme num adeus.”

Que DEUS a todos nos abençoe!!!

Manaus-AM, 5 de agosto de 2017

Raimundo Colares Ribeiro
Bacharel em Ciências Contábeis
Turma UFAM / Agosto de 1982